Fato Real
Regional

Mais um médico do hospital de Congonhas é diagnosticado com coronavírus

Em nota oficial emitida nesta sexta-feira 08/05  a prefeitura de Congonhas, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, informa que mais um médico pertencente ao corpo clínico do Hospital Bom Jesus está com Covid-19. Este é o segundo episódio de contaminação por médico do Bom Jesus ocorrido.

Mesmo sem apresentar os sintomas, o profissional realizou exame laboratorial após ter tido contato com outro médico da instituição, diagnosticado com a doença no dia 1º de maio.

O médico, que já estava afastado de suas atividades desde a confirmação do primeiro caso, permanece em isolamento. Como reside em Conselheiro Lafaiete, a ocorrência não é registrada no Informe Epidemiológico de Congonhas.

A Vigilância Epidemiológica de Congonhas adotou a mesma conduta e está monitorando profissionais de saúde e pacientes que tiveram contato com os dois médicos. Aqueles que tiveram contato direto com os profissionais, ou seja, sem o uso adequado de equipamentos de proteção pessoal (EPIs), estão em isolamento e serão monitorados.

As medidas seguem os protocolos previstos pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pelo Ministério da Saúde.

Primeiro Caso

Em 27 de abril, véspera do plantão semanal que realiza no HBJ, o médico teve sintomas gripais leves. Apresentou-se para o trabalho, mantendo os devidos paramentos de segurança durante todo o expediente. Diante da piora do quadro gripal, no dia 30, o profissional realizou o exame RT-PCR em um laboratório particular de Belo Horizonte. O resultado positivo do teste foi comunicado à Diretoria do Hospital Bom Jesus na sexta-feira, 1° de maio. Como o médico  diagnóstico reside em Belo Horizonte, o caso foi notificado naquela cidade.

Fato Real