Fato Real
Polícia

PM prende foragido da justiça suspeito de manter depósito de drogas para comércio

Duas pessoas foram presas, uma no bairro Serra Verde e a outra no bairro Siderurgia, ambas em Ouro Branco nesta quarta-feira (04/08).

Após levantar informações de que um foragido (28 anos) do presídio de Congonhas estaria residindo no bairro Minas Talco e estaria armazenando entorpecentes em uma residência do bairro Siderurgia, a Polícia Militar iniciou monitoramento das residências na noite de ontem de quarta-feira. Nesta ocasião, o suspeito foi visto saindo da casa localizada no bairro Siregurgia, conduzindo uma motocicleta Honda Twister de cor azul. 

Posteriormente, a outra equipe militar que monitorava a casa situada no bairro Minas Talco, visualizou o suspeito chegando a pé, segurando um capacete, e adentrando ao imóvel. Instante depois, ele foi visto saindo da garagem conduzindo um veículo Honda Civic de cor dourada. 

As viaturas realizaram o acompanhamento do veículo que foi abordado no bairro Serra Verde. No interior do carro foi localizado um revólver calibre .32 municiado com seis munições intactas, havendo no veículo outras seis munições intactas do mesmo calibre.

Parte da apreensão realizada no local
Parte da apreensão realizada no local

O autor confirmou a existência de drogas nas referidas residências, confirmando as informações levantadas, e autorizou a entrada da Polícia Militar nas duas casas onde foram apreendidos o total de treze barras prensadas de maconha, sete pinos de cocaína e algumas porções da substância, além de materiais para o seu refino (liquidificador, colheres, peneiras). Também foram apreendidos papéis com imagens provavelmente utilizadas para rótulo dos entorpecentes, várias embalagens plásticas utilizadas para embalo de entorpecentes, balanças de precisão, uma prensa hidráulica, treze aparelhos celulares e quatro notebooks 

Materiais apreendidos na operação
Materiais apreendidos na operação

A equipe militar que monitorava a residência do bairro Siderurgia abordou um homem (32 anos), que seria comparsa do primeiro suspeito. Ele relatou que tinha conhecimento das drogas escondidas e dirigiu-se ao local a pedido do autor, para buscar os entorpecentes.

Eles foram presos e conduzidos à Delegacia de Polícia juntamente com a apreensão realizada.

Fato Real