Fato Real
Gerais Lafaiete

Lafaiete tem indicadas ao Prêmio Empreendedoras Mineiras 2022

Tem representantes de Lafaiete no Prêmio Empreendedoras Mineiras 2022, realizado pela Beauty Star Eventos, com objetivo de reconhecer, homenagear e capacitar as mulheres empreendedoras do estado de Minas Gerais, que se destacam em seu segmento, através de palestras, cases de sucesso, rodas de conversa, networking e um momento especial de reconhecimento pessoal em nosso palco, onde cada empreendedora recebe um troféu.

A 3ª edição do evento acontecerá no dia 22 de maio 2022 na Sede da AMMG (Associação Médica de Minas Gerais) na cidade de Belo Horizonte e terá presença de pelo menos duas lafaietenses. Quem indica são os meios de comunicação, como associações e outras entidades, que a equipe da Beauty Star eventos entra em contato pedindo referências.

Ana Flávia  trabalha em casa usando a internet
Ana Flávia  trabalha em casa usando a internet

Ana Flávia Marques Ferreira Rezende Nepomuceno foi indicada na categoria de Marketing Digital e Consultoria de Marketing. Ana Rezende tem 30 anos e é gestora de mídia social. Auxilia empreendedores que não tem habilidade com redes sociais ou mesmo não têm tempo de conciliar as demandas diárias e ainda cuidar da sua página comercial.

Casada, mãe de dois filhos, Ana Flávia  trabalha em casa usando apenas a internet. “Minha função é administrar, monitorar e implementar estratégias nas redes sociais de pequenas e médias empresas, perfis pessoais, ou qualquer tipo de negócio com o intuito de aumentar a visibilidade através das redes sociais. Auxilio empreendedores que não tem habilidade com redes sociais ou mesmo não tem tempo de conciliar as demandas diárias e ainda cuidar da sua página comercial. Atuo nessa área há pouco mais de 1 ano e ser reconhecida por meu trabalho me enche de orgulho e me motiva a lutar cada vez mais em busca dos meus sonhos”, contou Ana.

Bruna Soares é especialista  em mesa posta
Bruna Soares é especialista em mesa posta

Bruna Soares é natural de Congonhas e mora em Conselheiro Lafaiete há 5 anos. Também casada e mãe de uma filha de 1 ano e 9 meses, encontrou nas diversidades impostas pela pandemia, uma nova possibilidade. “Na gravidez em meio a pandemia decidi voltei a fazer crochê para passar o tempo e controlar a ansiedade. Então comecei a ter muitas encomendas e decidi empreender. Comecei a estudar o mercado e marketing em vendas e decidi que seria especialista em peça para a mesa posta.  Atuo exclusivamente com crochê para a mesa posta, onde minhas vendas são 100% online no  Instagram  e WhatsApp. E agora estou me especializando também em mesa posta e etiqueta à mesa”.  Para Bruna, a indicação ao prêmio é uma valorização “pois, poucos enxergam artesanato como empreendedorismo”.

Fato Real