Fato Real
Destaque Gerais

Hospital Queluz começa a utilizar energia fotovoltaica

O Hospital Queluz de Conselheiro Lafaiete concluiu a instalação de uma usina própria para a produção de energia elétrica, usando-se da tecnologia de placas fotovoltaicas. A tecnologia já foi ligada e é considerada uma conquista pela administração do hospital.

Em agosto de 2020, o hospital começou a negociar os seus débitos com a Cemig. Foram sucessivos diálogos, explanações, comprovações técnicas e encaminhamento de provas demonstrando as dificuldades financeiras. No final, foi decidido pela tentativa de realização da instalação da energia solar.

O administrador do hospital, Wagner Costa, aponta que a tecnologia é uma prova que mudanças são possíveis, mesmo em momentos difíceis: “Nós como hospital filantrópico, que temos mensalmente e anualmente déficit, e esse déficit na verdade é significativo. Nesse momento de pandemia estamos em uma situação muito complicada financeiramente falando. Mas a gente está sobrevivendo e mesmo assim acreditando que é possível trazer mudanças e a prova é a gente ter conseguido chegar ao fim dessa instalação”.

Painéis fotovoltaicos no Hospital Queluz. Projeto traz sustentabilidade
Painéis fotovoltaicos no Hospital Queluz. Projeto traz sustentabilidade

Conquistas

A instalação dos painéis de energia solar não foi a única conquista alcançada recentemente pelo Hospital Queluz.

Mesmo com a situação financeira agravada pela pandemia da Covid-19, a instituição está em dia com todas as obrigações trabalhistas.

O hospital também está com seus alvarás em dia, principalmente com a Vigilância Sanitária. Recentemente, o hospital conseguiu o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB).

Foram realizadas também diversas adequações institucionais e assistenciais. Foi realizada a construção de um novo telhado, a aquisição de novos equipamentos para melhoria do bloco cirúrgico, berçário e sala de parto normal, oferta de plantão presencial 24 horas dos pediatras na sala de parto, chegada de estudantes de medicina participando e contribuindo com a assistência.

Números

O Hospital Queluz está, desde abril de 2020, trabalhando com metade dos seus leitos hospitalares. Isto se deve ao fato de que para ajudar o município a instituição acolheu o Hospital São Camilo em suas dependências. Isso ocorreu para que o município, no prédio do São Camilo, pudesse estruturar o Hospital de Campanha para atendimento aos pacientes com coronavírus.

Anualmente, são realizados cerca de 1.500 (mil e quinhentos) partos e aproximadamente 7.400 (sete mil e quatrocentos) atendimentos ambulatoriais às gestantes que necessitam de assistência à saúde e ou cuidados especiais. Segundo a administração do hospital, o Queluz tem realizado a mesma média de partos e atendimentos ginecológicos dos anos anteriores, mas com a metade da capacidade instalada.

O Hospital Queluz é considerado um hospital de pequeno porte (HPP), este tipo de espaço preenche um espaço importante na estratégia do Sistema Único de Saúde (SUS). Nos HPP são realizados cerca de 64% dos serviços hospitalares brasileiros.

Fato Real