Fato Real
Gerais Regional

Crucifixo é entregue à comunidade e campanha é relançada para recuperar o restante do acervo

A comunidade de Itatiaia, distrito de Ouro Branco, recebeu de volta no último domingo (13/06) o Crucifixo do Senhor do Bonfim. Na oportunidade, foi relançada a campanha de mobilização para recuperar as 18 peças que ainda se encontram desaparecidas desde 1994. Aproveitando o ensejo, a comunidade comemorou o dia de seu padroeiro, Santo Antônio. 

O crucifixo fazia parte do acervo furtado naquele ano e em uma celebração festiva, transmitida pelas redes sociais, a imagem foi entronizada à Igreja pela moradora e devota de Santo Antônio, Dona Geralda Lopes, de 88 anos. 

No final da Santa Missa, o Presidente da Associação Sócio Cultural Os Bem- Te- Vis, Wilton Fernandes, fez o relançamento da campanha, iniciada em 2018, e fez um apelo para que todas as pessoas que veem e/ou identifiquem alguma peça semelhante às de Itatiaia denunciem ao Ministério Público, aos órgãos de defesa do patrimônio histórico ou as autoridades policiais, e agradeceu a todos que ajudaram e ainda ajudam, de alguma forma, para que este acervo retorne à comunidade.

Essa Campanha de Mobilização de recuperação do acervo sacro de Itatiaia é uma realização da Associação Sócio Cultural Os Bem-Te-Vis e tem apoio do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), do Instituto Estadual de Patrimônio Histórico e Artístico (Iepha), das Polícias Militar e Civil, da Secretaria de Cultura e Turismo de Minas Gerais e do Ministério Público de Minas Gerais, além da colaboração de pessoas de todo o Brasil no reconhecimento e informações das peças.

De acordo com Fernandes, todo acervo tem que estar de volta para que as pessoas da comunidade se sintam mais tranquilas e, tenham novamente, o sentimento de pertencimento, pois o mesmo faz parte da história do lugar e, principalmente, de todos que ali residem.

Crucifixo foi recuperado
Crucifixo foi recuperado

Segundo a moradora do vilarejo, Dona Geralda Lopes, o dia é de muita alegria e emoção. “É uma alegria podermos receber mais este crucifixo de nosso Senhor Jesus Cristo, se Deus quiser e com as bênçãos de Santo Antônio de Itatiaia as outras peças irão voltar”, afirma dona Geralda.

O crucifixo foi recuperado pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) e entregue à Arquidiocese de Mariana em 2015, pois nesta época a Igreja Matriz de Santo Antônio de Itatiaia estava passando por intervenções de restauro.

Na sexta feira, 11 de junho, a obra de arte foi escoltada, pelas equipes da Patrulha Rural da 65º Cia/PM e do 52º Batalhão da Polícia Militar, do Museu Arquidiocesano de Arte Sacra, em Mariana, até a matriz de Santo Antônio de Itatiaia, onde integrará o acervo atual.

Segurança reforçada da Matriz de Santo Antônio

A Associação Sócio Cultural Os Bem-Te-Vis reforçou a segurança da Matriz, que, conta com um sistema moderno de vigilância e alarmes 24 horas e com a parceria da Polícia Militar para fazer a ronda constante em entorno da matriz, principalmente durante o período da noite. Além disso, a comunidade está atenta para reportar qualquer movimento suspeito. O objetivo é proteger os bens culturais e lutar para que cada peça furtada retorne para o seu local de origem.

Denuncie:

Denúncias para crimes desta espécie podem ser realizadas em diversos canais, como: 

Ministério Público de Minas Gerais

(31) 3250-4620 |  [email protected]  |  [email protected]  |  Rua Timbiras, nº 2.941, Bairro Barro Preto, Belo Horizonte/MG. CEP 30.140-062.

Iphan

(31) 3222-2440 | (61) 2024-6342 | (61) 2024-6355 | (61) 2024-6370  |  [email protected] / [email protected] / [email protected]

Iepha/MG 

(31) 3235-2812 | (31) 3235-2817 | www.iepha.mg.gov.br 

Policia Militar

Disque denúncia – 181 | (31) 3741-1253 | (31) 3741- 6569 | (31) 9 8887-1739 (WhatsApp – 65a Cia. de PM).

Associação Sócio Cultural Os Bem-Te-Vis

(31) 9 9820-8755 (WhatsApp) | www.osbemtevis.org.br.

Fato Real